Programa Canteiro Aberto

Este projeto teve início na obra de restauração da Igreja Matriz de Pirenópolis, em Goiás, logo após o incêndio de 2002. Após um período de projeto e montagem da exposição, a visitação foi aberta em 2004. Nos dois anos da exposição, mais de 52 mil pessoas tiveram a oportunidade de visitar o Canteiro. Com a experiência bem sucedida em Pirenópolis, o projeto foi aplicado em outras obras como no salvamento emergencial da Igreja Matriz de São Luis de Tolosa em São Luis do Paraitinga-SP, que recebeu em seis meses cerca de 2 mil visitantes, e ainda na obra de restauração do Mercado Adolpho Lisboa em Manaus. A experiência mais recente do projeto foi durante o salvamento emergencial da Capela São Pedro de Alcântara, no Rio de Janeiro, em 2011.

O programa CANTEIRO ABERTO parte do princípio de abertura dos canteiros de obras da empresa para visitação pública. A ideia é envolver a comunidade no processo de restauro por meio da visitação do local durante a obra, tornando públicas as ações e decisões.

Para divulgar esse processo de recuperação patrimonial são montadas exposições no interior da obra, composta por fotografias e painéis com informações sobre as metodologias adotadas durante a obra. As entradas para a visitação das exposições são sempre gratuitas.

Diante do conceito de que restaurar monumentos históricos significa fazer reviver à comunidade seu passado e sua autoestima, a abertura do canteiro de obras para o público permite que o visitante tenha a oportunidade de vivenciar o processo de recuperação do bem edificado, possibilitando que elas sintam-se mais inseridas nas suas cidades e, ao observar o cuidado com o qual o trabalho se restauração deve ser desenvolvido, haja mais responsabilidade em relação ao seu patrimônio.

Esse programa se insere no terceiro valor da empresa, a valorização da história, uma vez que a exposição possibilita que o visitante tenha conhecimento sobre a história do Bem Patrimonial e passe a ter sentimentos sobre a importância da preservação e divulgação do passado.

A CONSTRUTORA BIAPÓ esteve entre as empresas vencedoras da etapa estadual da 14ª Edição do Prêmio SESI Qualidade no Trabalho (PSQT), em março de 2010, e foi premiada em 2º lugar na modalidade Média Empresa, na categoria Inovação, com o programa CANTEIRO ABERTO.