EVOLUÇÃO DA MARCA

A primeira marca Biapó tem formato minimalista – simples e funcional, inspirada na pintura corporal Karajá – que se expressa no geometrismo de ângulos retos, com o mesmo raciocínio estampado na sua cestaria, bases das plumárias e também nos adornos das flechas e arcos.

A Biapó mantém uma vinculação com essa tribo goiana, se aproveitando da sua expressão gráfica superior para desenhar e conceituar sua marca. Distinguindo-se de outras marcas intuitivas, inserindo seu nome numa tendência pré-fixada.

Marca 1 branco

A segunda marca rompe totalmente com a primeira, perdendo a possibilidade de fixação e manutenção da sua identidade. Mas aproveitou a palavra Biapó em caixa alta, eliminando o termo Ltda. e se aproveitando do nome Construtora Biapó que já tinha se tornado público.

Um cerco fechava a marca e a palavra Construtora era lida mais que a palavra Biapó, pois foram criados módulos de linhas diagonais e paralelas na cor vermelho que serviam de base para as letras da palavra Biapó, o que dificultava de forma significativa a sua legibilidade. Mas colocava a marca numa condição superior a da anterior. O seu formato retangular dava a marca Biapó uma melhor condição de redução e a palavra Biapó ganhou um peso superior. Apesar de perder sua leitura, passou a ocupar a maioria do espaço dentro da marca.

Marca 2 fundo

A terceira versão da marca reafirma, com um redesenho, as suas características mais evidentes, fazendo sobressair a palavra Biapó em todo o conjunto e separando o seu novo símbolo dos tipos. Assim, resolveu-se o problema da fragmentação dos elementos paralelos transformando-os em linhas contínuas e livres totalmente da palavra Biapó, gerando uma marca nova e vigorosa.

A Construtora Biapó tornou-se somente Biapó, com a mesma fonte da marca anterior, a Compacta, com um desenho bem contrastado em dois conjuntos gráficos e cromáticos distintos. Uma marca resumida e objetiva em seu conceito anterior, sem perder as suas características básicas. A marca torna-se uma só palavra dissílaba com uma superior pregnância visual e fonética.

Marca atual branco mini

Este é o símbolo institucional e comercial da Biapó, o elemento gráfico de identificação da empresa que deve ser usado em toda e qualquer situação que se fizer necessária a aparição da empresa. A marca Biapó é composta de dois conjuntos, o primeiro é o zig-zag, um retângulo imaginário vermelho, composto de linhas paralelas em zig-zag dobradas em ângulos de noventa graus com inclinação de 5 graus à esquerda. O retângulo imaginário não é inclinado. As linhas estriadas fazem referência à pintura corporal Karajá, tribo genuinamente goiana, conterrânea da Biapó.

Na parte superior das estrias o lado esquerdo tem um peso maior gerado pela inclinação do símbolo para que haja um equilíbrio visual entre o lado esquerdo e o direito com o acento agudo e para uma quebra de monotonia das estrias zig-zag.

A fonte foi utilizada sem quaisquer distorções. Porém o seu espaçamento foi redefinido de forma mais harmônica. A letra “o”, que é sempre maior por se tratar de uma letra redonda foi diminuída, se encaixando às linhas de base e cabeça, com a correção da estrutura da letra, ajustando seu bastão na mesma espessura das outras letras do conjunto. O acento agudo foi redesenhado para se encaixar no conjunto de estrias zig-zag com recuo no último ângulo reto com a margeação igual à distância entre uma estria e outra para uma melhor harmonização do conjunto.

Leave a reply